Qual a melhor atividade, caminhar ou correr?

Correr e caminhar são maneiras simples e prazerosas para adquirir uma saúde equilibrada, mantendo o bem-estar em alta. Existem várias maneiras de praticar, com ótimos benefícios ao emagrecimento e condicionamento físico. Ambas as atividades proporcionam melhora do condicionamento cardiorrespiratório e o fortalecimento dos músculos nos membros inferiores.


O ato de caminhar é recomendado para os iniciantes que queiram correr ou até mesmo porque gostam de caminhar. Além de ser uma atividade de fácil execução que não requer muitas habilidades em especial, praticamente não apresenta contra-indicações ou riscos de lesões articulares.


Para iniciantes, é sugerido caminhar de duas a três vezes por semana, pelo menos uns 35 minutos. Conforme o desempenho, aumentar para 45 minutos de quatro a sete vezes por semana, usufruindo assim dos benefícios fisiológicos e também obtendo uma maior sensação de bem-estar decorrente dessa atividade.


Quanto ao ritmo, ele é individual. Mas caminhar muito devagar não proporcionará maiores retornos, pois tanto a perda calórica quanto a obtenção dos benefícios da atividade aeróbica são determinados pela intensidade (dificuldade) do exercício.


O ato de correr é tão eficiente quanto a caminhada para a perda de peso, embora o resultado seja conseguido com maior rapidez na corrida. Observa-se uma relativa melhora na capacidade aeróbica dos praticantes, além da queima calórica ser superior. Praticamente qualquer indivíduo pode iniciar um programa da mesma forma que a caminhada, mas se a pessoa estiver acima do peso, ou possuir lesões articulares que possam piorar com o impacto, não é aconselhável a prática da corrida de imediato.


Se tiver complicações cardíacas deve ser monitorado por um profissional competente.

É preciso também escolher o tênis adequado para amortecer o impacto das passadas e usar roupas leves e claras que absorvam o suor.


Como em qualquer atividade física, é necessário beber muita água para não ocorrer desidratação. Quanto ao solo, prefira grama, terra ou areia batida e procure evitar paralelepípedos, asfaltos e terrenos irregulares, ou então, prefira a esteira rolante. A maioria das esteiras possuem um sistema de amortecimento próprio.


Raquel Silvestri: Acadêmica de Educação Fisica

0 visualização

personalizado por: agenciavela.com.br

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon
WhatsApp logo.png